A Igreja Greco-católica ucraniana encontra o Papa no Vaticano